Capa... primeira impressão!

Revista Bicicleta, Brasil, 2013
Na Revista Bicicleta consegui colocar muitas das minhas intenções em prática. Consegui fotografar e até mesmo escrever como eu gostaria. A capa de uma revista é uma ambição para muitos fotógrafos do jornalismo, pq eles sabem que a capa é detentora de todo um conjunto de obra, normalmente matéria(s) principal da edição em específico. Por três vezes eu vi minhas fotografias em uma capa, mas esta foi a que mais gostei... fui também o autor da matéria sobre fixas. Normalmente o repórter fotográfico se limita a apenas fotografar. Escrever é um ofício mais amplo... mas quis a vida que fosse assim, lei dos homens, onde fotojornalistas podem escrever apenas "eventualmente". Mal sabe a lei dos homens que escrever é uma vocação... e possuir o conhecimento para expressar é uma arte para poucos em cada campo. Um jornalista que me entrevistou dias atrás, perguntou: "Mas você escreve também? Sendo repórter fotográfico..."
Respondi com firmeza, mas com humildade: "Se eu não escrever este assunto, quem vai escrever? Você conhece algum jornalista capaz de escrever este assunto sem que possa ser corrigido pelos conhecedores do assunto?"
Então, ele reforçou uma pergunta que antes para mim já seria evidente: "Você entende de bicicletas, muito mesmo?"
Confesso que fiquei um pouco incomodado, mas respondi: "Desculpe-me se pareço arrogante com o que vou dizer, mas não conheço colegas no Brasil que sejam capazes de escrever o que sei. Evidentemente, minha formação não concluída de engenharia mecânica, certamente contribuiu muito para meu enriquecimentos profissional... e isto não se aprende em jornalismo, se aprende em engenharia!"
O fato de um profissional não ser formado em jornalismo não significa que ele não tenha conhecimento suficiente ou superior para escrever sobre um determinado assunto, existe até mesmo uma lei que garante este direito, do ano de 1978, se não estiver enganado. Jornalistas são transmitidores de notícias, eles podem se aprofundar, mas raramente poderão falar sobre determinado assunto de forma melhor do que aquele que domina um assunto. Escrever é um dom... talento! Não tem faculdade no mundo que tire este adjetivo da outra pessoa pq vc fez uma faculdade! "Nunca esqueça isto... seus atributos não anulam atributos alheios!"
Fico perplexo quando alguém insiste em duvidar da capacidade alheia simplesmente pq ocorre uma diferença de formação entre vc e este alguém. Ao fim deste capítulo eu falei ao colega, sou repórter fotográfico, eu nasci para isto, meu registro profissional esta aqui, sou sindicalizado e escrever é algo que nunca ninguém vai poder impedir... é inevitável, pois escrever é complemento da imagem!
Acho que não consegui criar uma impressão positiva, o que certamente resultou no meu "descartamento" como opção para uma vaga de profissional, mas nem tudo deve ser como as pessoas acham ou querem!