Pra voltar...

Que legenda nada... eu quero é rock! E na estrada...
         Tinha que ter pegado a estrada hoje... mas convite de mãe e irmã não dá pra negar. Preferi acordar mais cedo amanhã e ir para o trabalho na serra. Já fiz isto tantas vezes que nem deveria mais me importar de acordar cedo... e quando eu falo cedo, estou falando de levantar as 4 horas da manhã, pq as 7 horas tenho que esta em um congresso em Gramado. Nada de especial... duas horas de viagem a bordo do negrinho e lá estarei. Larguei um trabalho que me fazia sair assim todo domingo, as vezes sábado também, justamente pq não queria mais pegar a estrada mal dormido com a frequência que fazia. Eu tô tão apegado a minha mãe e irmã que não consigo mais fazer coisas que fazia antes... elas foram vitais no processo de separação pelo qual passei e superei. Me tornei forte como jamais imaginei... mesmo quando percebi que havia feito 130 km de bicicleta todo machucado, e aquele sim foi um feito de superação. Tal superação me garantiu um ano sem qualidade alguma no ombro direito... mas eu, mais uma vez, evoluí para uma cura. Coisa do universo, não? Agora toda vez que vejo uma estrada tenho medo... não pq posso me machucar, mas pq quero não ir, quero ficar. Sabe pq sempre voltei? Pq era pra ser... coisa do universo! É pra eu ficar velho... tudo planejado, não sei por quem, mas é! Eu já deveria estar dormindo... aliás, eu deveria estar em Gramado... mas não tinha como não estar com elas numa janta tão divertida. E depois... minha vida é aqui, orbitando em torno dos amigos que visito entre um trabalho e outro... pessoas que trabalham ou trabalharam comigo. A loja dos guris tá tri... eu já sei que vou viver plantando lá. Vou expor minhas fotos lá... já incomodei eles pra deixarem! Sabe o que é a casa da gente? É onde a gente vive... minha casa é Porto Alegre, cidade da qual sempre quis fugir, nunca me deixou. Acho que é coisa do universo... E vai dar tudo certo mais uma vez, eu vou, mas eu volto, como umas 5 centenas de vezes que viajei a trabalho... é pertinho! O que é 130 km para quem fazia 1000 km no volante em um único dia? Eu posso, eu consigo, eu garanto! Eu vou... pra voltar! E depois, tudo que eu tinha pra dizer já foi dito... coração leve garante paz. Eu vou, eu volto, eu vou sentar em algum lugar no domingo, e vou tomar um chimarrão! Bj