Se forem dois... derrubaram a solidão!

Ciclistas da longa distância... ninguém fica para trás! Um fura o pneu e o outro ajuda a consertar! Brevet 400 km, 2011.
Foto: Roberto Furtado / Sociedade Audax de Ciclismo.
               Houve, em um estranho momento, uma grande mudança nos meus pensamentos... eu já sabia que isto vinha pulsando há tempos. Contudo, teve um momento que este lance explodiu e tomou conta de tudo... inclusive do meu trabalho, da minha vida pessoal, da minha estrada. Era, de forma inevitável, algo que eu não podia segurar... E eu, devia ter percebido que começou com a minha chegada aqui neste lugar, mas eu era imaturo para compreender. Na faculdade, acho que em 1999, li um livrinho simples... destes com menos de 100 páginas, nem sei onde ele anda. Se me recordo bem era de título: "a formação do amor", e dizia respeito sobre todas as formas de amor. Era sobre amizade, sobre a forma e existência do amor, entre amigos, relacionamentos, etc. Depois daquela leitura, nunca mais fui a mesma pessoa... tal como deveria significar todo livro para alguém. 
Com o passar do tempo e das pessoas pela minha vida, aprendi coisas que só a vivência poderia transparecer para mim. Descobri o sabor das amizades... e foi no ano passado que todas as amizades passaram a ter um tempero extra para mim. Foram elas que derrubaram solidão, durante um caminhada num túnel sem luzes. Eu já observava a importância que algumas pessoas davam para isto... mas entre vc conhecer e dar um valor verdadeiro, pode haver uma centena de passos nesta valorização. E foi então, que eu me tornei mais paciente, mais dedicado, mais compreensivo. Não que fosse um desinteressado, mas acho que nós só damos valor real para as situações após precisarmos destas vidas salvadoras, almas curadoras do nosso eu, tais de amigos. Ganhando ou perdendo... se estou com um amigo, percebo que ganho sempre. E eu me lembrei de uma coisa... quando alguém melhora vc, e vc melhora alguém, então vc encontrou um amigo. Se isto acontecer contigo... segura a mão deste vivente, ou desta vivente, e segura com toda força, porque aonde quer que vcs estejam, se estiverem juntos, será uma caminhada de muita paz. Se são dois... então, não há solidão, e melhor, somam-se as perspectivas e a diversão estará garantida. E mesmo que um de vcs tropece, haverá o outro para erguer. O sentimento da amizade nunca mais vai ser o mesmo para mim... derrubaram a solidão e ela nem viu!