10 anos e paramos por aqui?


Devo uma explicação? Bem, acho que não... mas darei, pois se trata de responsabilidade com os leitores do blog. O Bikes do Andarilho esta quieto. Depois de 10 anos, ele adormece como jamais viram os frequentadores. Foram algumas centenas de eventos, milhares de imagens, quase duas mil postagens, certamente que uns 1200 textos de todos os tamanhos. Trabalho e seguirei trabalhando no mercado da bicicleta, de forma mais discreta, menos intenso, possivelmente com a qualidade da maturidade que somei nos últimos anos da bicicleta profissional. O blog vai ficar lá... vou manter ele no ar, pela história, pelas amizades, etc. O livro tá em promessa ainda não entregue, assim como outros projetos, mas tenha tempo para tudo. Parece que não sou muito bom pra lidar com o tempo, talvez seja melhor com palavras e imagens. Enfim, todo ciclo começa e termina, ainda não sei se isto será definitivo, mas penso que é hora de me dedicar para novos projetos que se posicionam em frente aos meus olhos. A gratidão que tenho por tantos é indescritível! Eu cheguei bem longe com este lance de fotografar bicicletas... nacionalmente, e experimentei trabalhos internacionais. Foi bala... top mesmo! Volta e meia irei para os bordos da pista, onde treinei meus olhos como poucos fotojornalistas puderam. Os cliques sem olhar pela câmera, a velocidade, efeitos, percentuais pequenos de descarte... olha, foi uma excelente escola. Me deixa emocionado o fato de parecer despedida, mas não é... é apenas um remodelar da minha estrada. Quem cruzou por mim e gritou: "Betooooo" ou "Andarilhooooooo", certamente tá impresso no meu coração. Os meninos voam nas ruas, nas pistas, nas ladeiras... num lugar onde não existe velhice, todo mundo é guri em cima de uma bicicleta. Ficam os ensinamentos e o carinho, num dos muitos exemplos de "Gentileza, gera gentileza!". Poderia citar muitos nomes, mas tenho muito medo de ser injusto esquecendo alguem. Meu bj grande, abraço apertado e até mais ver.